O futuro das residências: conheça o conceito de casa inteligente

O futuro é tecnológico. Ele está chegando nos centros urbanos, tal como falamos ao explicar sobre as cidades inteligentes, como em nossa vida pessoal dentro das residências. Você conhece o conceito de casa inteligente? Também chamada de smart house, essa tecnologia vem ganhando cada vez mais espaço nos últimos anos, uma vez que permite que as residências contem com itens inovadores não apenas para facilitar as tarefas do dia a dia dos moradores como também para oferecer mais conforto e comodidade.

Se para você todo esse conceito ainda é novidade, não precisa se preocupar! Neste post, mostramos alguns exemplos de como isso já faz parte da nossa rotina e continuará fazendo até que não cause mais estranheza. Confira!

Conceito de smart house

Falando um pouco mais sobre o conceito de smart house, podemos dizer que é a incorporação dos aspectos da Internet das Coisas (IoT) nos lares. Ou seja, aquilo que antes estava mais presente na indústria e no comércio passa a fazer parte de nossas residências, garantindo maiores benefícios em nosso dia a dia.

Assim, itens que são do nosso cotidiano — como geladeiras, portões, trancas, entre outros — passam a abrigar sensores que, conectados à rede, permitem gerar maior conforto para a nossa rotina.

Tendências da automação residencial

Se você ainda não adota nenhuma forma de automação residencial, é hora de começar a rever essas questões. A seguir, mostraremos algumas das tendências para smart houses em que você deve ficar de olho nos próximos anos!

Automação de garagem

Um exemplo bastante utilizado de como é possível implementar tecnologia para uma smart house é a automação de garagem. Começou há bastante tempo com os portões motorizados que podiam ser abertos ou fechados por meio de um controle remoto. Hoje em dia, porém, já é possível ter esse controle por aplicativos de celular. Você pode abrir o portão de qualquer lugar, sem ser preciso chegar próximo para acionar o motor. Quando estiver familiarizado, já saberá o local ideal para solicitar o acionamento e entrar, sem precisar ficar exposto no portão, aguardando ele abrir completamente.

Esse tipo de automação oferece mais segurança para a casa, porque ela também permite que portas sejam acessadas por meio de leitores biométricos, por exemplo. Mas a automação da garagem não para por aí. Com ela, também é possível ter monitoramento eletrônico, câmeras de segurança que oferecem recursos de reconhecimento facial e até mesmo sistemas de iluminação inteligente.

Sistema de iluminação inteligente

Dispor de lâmpadas automatizadas em todos os cômodos da casa também é uma realidade que está se tornando bem comum. Provavelmente você até tem uma dessas instalada em algum ambiente por aí. Como a iluminação pode contar com sensores de presença, essa tendência é muito boa para quem sempre esquece de apagar as luzes ao sair de um cômodo.

Além de controlar a quantidade de luz que cada lâmpada produz enquanto está ligada, com um sistema inteligente é possível mudar as cores delas. A temperatura também pode ser alterada, ficando mais fria e perfeita para ambientes como cozinha, ou mais quente, excelente opção para ambientes mais aconchegantes como quarto.

Assistentes virtuais

Achamos que uma das coisas mais legais da tecnologia é poder dizer “Ok, Google” e também pedir para a Alexa executar alguma tarefa — e sabemos que você também gosta muito disso. O uso desses assistentes virtuais acionados por comando de voz está crescendo progressivamente e, ao que tudo indica, ficará mais comum com o passar do tempo.

A criação dessas plataformas se transformou em uma das peças-chave na integração dos sistemas para uma casa inteligente. O mais interessante desse tipo de sistema é que ele é constantemente atualizado para ficar sempre mais seguro, confiável e inteligente. Além de fornecerem respostas ágeis, os assistentes virtuais conseguem interagir facilmente com quem os utiliza. Isso torna o uso bastante intuitivo e simples. Interessante, né?

Segurança e monitoramento

Fato é que nos grandes centros urbanos, a preocupação com segurança das residências tem se tornado um tema central. Com as casas inteligentes, uma série de medidas podem ser implementadas em sua casa, para torná-la menos exposta e minimizar os riscos de ações criminosas.

Por exemplo, as gravações realizadas por câmeras internas podem ser acessadas em nuvem, ou seja, a partir de qualquer dispositivo você consegue acompanhar o que está acontecendo e, assim, caso veja algum tipo de anormalidade, entrar em contato com as autoridades policiais imediatamente. Assim, não será pego de surpresa neste tipo de situação e poderá intervir de forma mais consistente em caso de invasão a sua residência quando não estiver lá.

Benefícios para o dia a dia

Mas por que adotar a automação residencial? O que ela pode trazer, de fato, de benefícios para o seu dia a dia? Na sequência, vamos mostrar alguns dos principais pontos que tornam essa inovação tão sedutora e eficiente.

Praticidade

Imagine não precisar mais se preocupar em acender ou apagar interruptores ao entrar e sair de cômodos? Pode parecer algo pequeno, mas uma série de praticidades dessas ao longo da sua rotina pode torná-la mais fluida, sem maiores preocupações.

Assim, você não precisará mais se preocupar com uma lâmpada acesa esquecida: o sensor de movimento realizará o acionamento quando você estiver no cômodo e desligará quando você sair. Isso pode ser importante também para que seus vizinhos percebam de imediato qualquer tipo de movimentação estranha ou, até mesmo, para você quando, ao chegar em casa, notar que há uma luz acesa.

Segurança

As casas inteligentes têm dispositivos que podem oferecer maior segurança para a sua residência. Pense no exemplo que demos: a automação de iluminação pode ser uma forma interessante para garantir maior proteção para você e seus familiares.

Contudo, ainda há uma série de tecnologias importantes que também são criadas justamente para esse fim. Câmeras com sensores de movimento e reconhecimento facial são relevantes para garantir, por exemplo, que o portão da garagem abra apenas com a sua presença.

Outras tecnologias no mesmo sentido são:

  • fechaduras eletrônicas;
  • abertura de portão por meio de reconhecimento de placa;
  • sistemas com biometria ou leitura de íris;
  • fechamento automático de válvulas de gás, evitando vazamentos que coloquem a integridade física dos moradores em risco.

Comodidade

Imagine a seguinte situação: você acorda de manhã e tem uma rotina bastante apertada, portanto, toda economia de tempo é válida e necessária. O despertador toca e, ao desativá-lo, imediatamente a sua cafeteira e a sua torradeira estão preparando um café quentinho e torradas fresquinhas. Você não precisa se preocupar se está atrasado ou não e, por isso, não terá tempo para preparar o seu café da manhã. Assim que chegar na cozinha, tudo estará pronto.

Está em dúvida sobre o que deseja almoçar com o que você tem em sua despensa? Sem problemas, o aplicativo de controle de mantimentos indicará quais são as receitas possíveis com os ingredientes disponíveis, sem que seja preciso quebrar a cabeça ou sair para o mercado no meio de sua rotina agitada.

Ou, ainda, chegar em casa e já encontrar a sua sala preparada, para um momento relax, com a iluminação mais baixa, a temperatura do ar condicionado do jeito que você gosta e uma música ambiente para relaxar e levar aquele bom livro. Muito bom, não é mesmo?

Economia

Além de tudo que falamos, as ferramentas de automação residencial também permitem uma maior economia no seu dia a dia. Alguns pontos que podem ser otimizados por meio dessas tecnologias são:

  • iluminação interna;
  • iluminação externa;
  • uso de irrigadores no jardim;
  • fechamento de gás;
  • ajuste de intensidade da iluminação;
  • desligamento automático de climatizadores e ares-condicionados, entre outros.

Dicas de automação

Para ter os benefícios necessários que falamos acima, é importante que o processo de automação em sua residência seja feito com cuidado, de modo que seu investimento realmente valha a pena.

Abaixo, trazemos algumas dicas pertinentes para conduzir esse processo sem desperdícios e problemas. Acompanhe!

Pesquise quais são as melhores soluções

Um primeiro passo para automatizar sua residência é saber mais sobre as principais soluções existentes atualmente. Afinal, constantemente as empresas responsáveis lançam novas soluções e produtos que auxiliam não só na automação de tarefas residenciais, mas também para melhorá-las e torná-las mais seguras.

É o caso, por exemplo, dos assistentes virtuais existentes atualmente. Eles permitem que você possa:

  • acionar serviços importantes (como seu streaming de áudio);
  • marcar tarefas na sua agenda virtual;
  • fazer a integração do dispositivo com outros elementos de automação na sua residência, entre outras questões.

Isso é uma inovação interessante e que possibilita a você gerenciar melhor os outros serviços presentes no seu lar.

Considere o que pode não ser útil em sua rotina

Automatizar sua residência não significa utilizar todas as soluções disponíveis no mercado para esse fim. Em alguns casos, sua rotina pode não demandar o uso de algum dos produtos, gerando um gasto desnecessário de implementação para algo que não será adotado na prática.

Assim, analise: o que realmente vai trazer benefícios para o meu dia a dia, tornando-o mais prático, eficiente e seguro? Aquilo que não fizer sentido, pode ser interessante não incluir no seu projeto de modernização residencial.

Busque os melhores fornecedores

Agora que você sabe o tipo de automação que pode ser interessante para sua residência, é hora de buscar os negócios que fornecem o produto e/ou serviço desejado. Para realizar uma escolha consciente, analise as seguintes questões:

  • reputação da empresa;
  • qualidade do produto;
  • satisfação dos clientes;
  • custo-benefício;
  • diferenciais do produto ou serviço em comparação com outros fornecedores.

Verifique o suporte das empresas

Outro ponto é verificar se as empresas fornecedoras prestam o suporte necessário em casos de problemas e de que forma isso é realizado. Pense, por exemplo, na situação gerada caso a sua fechadura automatizada apresente defeito e o negócio responsável demore para prestar o suporte necessário.

A questão poderá trazer sérios problemas para sua residência, principalmente no que concerne à segurança. Por isso, é fundamental que você esteja atento à reputação dos fornecedores também nesse quesito.

Analise tendências

Outra forma de trazer a automação residencial para o seu lar é observar quais são as principais tendências existentes atualmente e para o futuro. Para isso, é importante que você esteja atento aos principais produtores de conteúdo na área de tecnologia, verificando quais são os lançamentos para criar smart houses.

Pesquisa por novas tendências

As smart houses são o futuro das residências. Por isso, os setores responsáveis por tecnologia e desenvolvimento de soluções nesse meio estão constantemente em busca por novas tendências.

Isso ocorre principalmente porque pesquisas afirmam que o mercado de dispositivos focados em automação residencial deve chegar a US$ 174 bilhões em 2025. Afinal, fato é que estamos sempre em busca de melhores soluções para facilitar o nosso dia a dia e garantir maior segurança para nós, e as smart houses permitem isso.

Entre as principais áreas que estão sendo pesquisadas para oferecer novas soluções para os usuários estão as que seguem.

Protocolos de segurança

Desenvolvimento de protocolos de segurança online que protejam a sua família e não coloquem a privacidade em risco. Isso porque, muitas vezes, os dispositivos utilizados podem, por meio de conexões inseguras, desproteger a residência. É o caso, por exemplo, de fechaduras e sistemas de monitoramento. Caso sejam hackeados, podem fazer com que esses instrumentos estejam nas mãos de cibercriminosos.

Valores acessíveis

Pesquisas que tornem os sensores e tecnologias mais acessíveis. Hoje já temos iniciativas importantes para esse fim, como o Google Home (Google), o Echo (Amazon) e o HomePod (Apple). Por um preço acessível, possibilitam ao cliente ter acesso a um assistente virtual por reconhecimento de voz, bem como conectar-se com outros dispositivos e sensores, facilitando sua rotina.

Importância da conexão com a internet

Gostou das possibilidades que a automação residencial pode trazer para sua residência? Então, além de adquirir os itens que permitem esse tipo de funcionamento, é crucial considerar outro ponto fundamental para obter melhores resultados: a conexão com a internet.

A partir da automação residencial, teremos mais aparelhos conectados à rede no dia a dia e que não podem ser desligados quando estiverem em desuso – por exemplo, câmeras de segurança e fechaduras precisam estar conectadas continuamente.

Em contrapartida, estamos constantemente utilizando serviços mais robustos que exigem conexões de qualidade: jogos mais pesados, vídeos com melhor qualidade, mais dispositivos móveis conectados à rede, uso de videochamadas em nossas rotinas de trabalho, entre outros.

Diante do cenário que está se instalando, é essencial compreender um ponto: nunca antes precisamos tanto de conexões estáveis, eficientes e rápidas e de provedores que ofereçam suporte ao seu cliente de forma ágil, retomando a conexão rapidamente. Por isso, se você quer estar preparado para essa nova era, é importante optar por empresas que atuem de forma confiável e com eficiência.

Viu só como o conceito de casa inteligente está presente nas nossas vidas? Só é pertinente lembrar que, para conseguir fazer um bom uso de toda essa tecnologia, é muito importante ter uma internet banda larga de qualidade. Isso porque não adianta ter tanta coisa tecnológica e interessante para usar em casa se a conexão vive caindo ou falhando.

Gostou do assunto deste post? Uma das automações que já temos em nossa residência e você nem deve imaginar são as Smart TVs. Você quer saber como colocar internet na TV? Leia nosso artigo e tire suas dúvidas sobre o tema!

0Shares

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.